Não lemos teatro!

Texto originalmente publicado no site Dois Cafés. Eu sei, pode parecer uma frase exagerada e possivelmente você irá me perguntar: “como você pode ter tanta certeza?” Aqui, eu poderia agir de má fé e pedir que você repensasse sua experiência como leitor enumerando quantas peças de teatro leu na vida, mas, em vez disso, vou utilizar…

Continue lendo
Nenhum comentário

Lista 6: Curtas-metragens

Por mais que façamos isso o tempo todo, nas artes é difícil encaixar coisas em caixinhas. Por exemplo, na Literatura uma discussão muito comum é sobre o conto. Se você gosta do gênero já deve ter se deparado com perguntas como: “o que é um conto?” “que tamanho a narrativa tem que ter para ser…

Continue lendo
Nenhum comentário

E eu conheci o Doutor…

… mesmo levando quarenta e nove anos para que acontecesse, e tudo começou com um serviço de streaming. Era 28 de abril de 2012 e eu estava deitada, lendo. Todo meu corpo doía, mesmo sem eu saber, exatamente, onde. De vez em quando, sem querer ou motivo, fechava o livro e chorava copiosamente, limpando as…

Continue lendo
Nenhum comentário

Homem da areia e sonhos intranquilos

Todo mundo, sem exceção, gosta de uma boa história de fantasmas. Você pode ser o mais medroso ou o mais racional dos ouvintes, mas, nem que seja por um instante, o terror nos é lembrado, seja na forma de um leve frio na barriga ou de um passageiro calafrio na espinha. Se assim é, prepare-se…

Continue lendo
Nenhum comentário

Lista 6: HQs para ler na quarentena (Amazon Prime)

Todo mundo em casa? Espero que sim! E, estando em casa, pode ser que você tenha aquela maldita sensação de já ter zerado o catálogo da Netflix e de outros serviços de streaming. Angustiado, pode parecer que a única coisa que resta é reprise de novela e BBB, mas venho dizer-lhe que não, Pequeno Gafanhoto!…

Continue lendo
Nenhum comentário

As paixões segundo Pablo Sandoval

El tipo puede cambiar de todo: de cara, de casa, de familia, de novia, de religión, de dios. Pero hay una cosa que no puede cambiar Benjamín. No puede cambiar de pasión. Se fossemos revisitar o que disse Decartes sobre as paixões, de forma bastante rasa, poderíamos entender que a sua causa é “a agitação…

Continue lendo
Nenhum comentário